Oficina FortaleCIR foi realizada com gestores da 16ª CIR na tarde desta sexta-feira (31)

O COSEMS-PB em parceria com a SES-PB realizou na tarde desta sexta-feira (31) a Oficina do Projeto FortaleCIR com a 16ª CIR e presença dos gestores em saúde da região através de videoconferência.

A Apoiadora Institucional CEFOR-RH-SES na 3° Gerência Estadual de Saúde, Jaciline Aguiar disse que é necessário buscar integração entre os municípios para que a Regionalização seja fortalecida. “Diante dos desafios existentes nos territórios precisamos estarmos juntos para enfrentá-los e com isso o SUS vem ser fortalecido diante desses desafios.”

Para Joelma Greicy Fernandes Lira, a 3ªGRS em parceria com o COSEMS fechou o ciclo de realização do FortaleCIR nas três regiões de saúde que compõe a gerência. “Tivemos estes dias um espaço de discussão muito rico e valoroso, potencializando as discussões no tocante a importância da regionalização seu papel nas regiões de saúde.”

O superintendente do Ministério da Saúde na Paraíba, Francisco Lacerda destacou o papel do projeto FortaleCIR, tendo em vista que a questão da gestão, planejamento e governança dos serviços e ações de saúde neste momento que vivenciamos. “Nesse contexto que toi publicada a portaria 1.812 de 22 de julho de 2020 do Ministério da Saúde, fortalecendo essa perspetiva de governança, inclusive com repasse orçamentário ao estado da Paraíba afim de melhor gerenciar e planejar essas ações de serviço de saúde. É um projeto de suma importância para a saúde no estado da Paraíba, de forma que tem nosso total apoio e compreensão no sentido de estarmos aqui de portas abertas para ajudar no que for necessário”.

Para Débora Gomes da CIB/SES-PB, as oficinas resultaram em mudanças positivas. “Já se aproximando do final da primeira etapa de agendas do Projeto Fortalecir com as regiões de saúde, podemos perceber o potencial de mudança do projeto, principalmente no que tange à sensibilização dos gestores à necessidade de regionalização. A cooperação da Secretaria de Estado da Saúde no processo tem conseguido reforçar a importância da união dos entes em prol do desenvolvimento da saúde publica no nosso estado.”

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer se juntar a discussão?
Sinta-se à vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *