COSEMS-PB, CIR e GEPLAG/SES-PB discutem projeto de aprimoramento, planejamento e regionalização

Em uma reunião na tarde de ontem (18) entre a Diretoria e equipe do COSEMS, os Presidentes e Vice-presidentes de CIRs, a Rede Colaborativa, áreas técnicas da SES e o consultor executivo, foi apresentado o Projeto de Aprimoramento do Planejamento, Gestão e Regionalização da Paraíba, oportunizado por meio da Portaria 1.812/2020, que institui para o exercício de 2020, incentivo financeiro de custeio, aos Estados e ao Distrito Federal, para o aprimoramento das ações de gestão, planejamento e regionalização da saúde, no âmbito do Sistema Único de Saúde, visando à organização e à governança da RAS.

O projeto foi aprovado pelo Ministério da Saúde, para execução no período de 18 meses, que passou a contar em dezembro do ano passado e se estende até junho de 2022, com dois meses de preparação e 16 meses de atuação dos sujeitos do projeto. A ferramenta moodle da Escola de Saúde Pública da Paraíba será utilizada para os processos formativos.

Entre os resultados esperados com o projeto baseado no tripé formativo, planejamento e governança, estão a revisão e atualização dos 16 Planos Regionais Integrados-PRI, elaboração de 3 Planos Macrorregionais e o Plano Estadual da Rede de Atenção à Saúde.

Como início das atividades formativas no dia 8 de abril, será realizado um Seminário com participação de André Bonifácio e Eugênio Vilaça, discutindo e refletindo junto com gestores e equipe do projeto, o aprimoramento das práticas de planejamento.

Na ocasião, outros assuntos também foram discutidos, a exemplo das oficinas da Pactuação Interfederativa que serão realizadas nas regiões de saúde pela SES e COSEMS. Entre os encaminhamentos feitos, estão as reuniões extraordinárias nas CIRs para apresentação do Projeto nas regiões de saúde e adesão dos municípios ao projeto e foram elencadas algumas propostas pelos gestores para articulação de uma conferência municipal de saúde remota, com consulta pública e audiência pública, entre outros pontos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *