Encerramento do 3º Congresso Norte e Nordeste de Secretarias Municipais de Saúde cria Carta da Paraíba

 O encerramento do 3º Congresso Norte e Nordeste de Secretarias Municipais de Saúde realizado pelo Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems-PB), que aconteceu nesta sexta-feira (12), foi marcado pela elaboração da Carta da Paraíba. O documento é um consolidado das principais propostas e reivindicações dos secretários de saúde das duas regiões que será encaminhada ao Ministério da Saúde (MS), Congresso Nacional, Presidência da República e demais órgãos da saúde para análise.

Na oportunidade, também foram entregues as premiações dos trabalhos inscritos no Congresso. Ao todo foram premiados pelo Cosems-PB 13 trabalhos com temas variados na exposição de experiências exitosas mais diversas áreas de saúde como Atenção Básica, Vigilância em Saúde, entre outros.

“O evento foi um sucesso. Todas as secretarias do MS enviaram seus representantes. E embora o congresso tenha sido direcionado às regiões Norte e Nordeste, recebemos secretários municipais e estaduais dos quatro cantos do país, ou seja, a representatividade maciça das três esferas governamentais foi um dos motivos que fez com que nosso evento tenha sido mais que salutar para o Sistema único de Saúde. Os desafios foram muitos , mas com a cooperação dos atores envolvidos, obtivemos êxito”, salientou a Presidente do Cosems-PB, Soraya Galdino.

De acordo com o Presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Fernado Monti, os pontos mais importantes a serem destacados no congresso foram a capacidade de superação e articulação do Cosems-PB para realizar um evento de tamanha magnitude. Outro fator foi o grau de comprometimento dos municípios com a saúde. “Vimos um congresso cheio de pessoas comprometidas em lutar pela saúde. Sabemos dos problemas, dos desafios, mas há que sempre permanecer na batalha aguerrida por um SUS melhor e foi isso que vimos aqui em todos os debates, rodas de conversa e no compartilhamento de experiências exitosas”, avaliou.

Já para o Assessor Especial do Gabinete do Ministro da Saúde, André Bonifácio, o congresso foi ousado em sair do tradicional a exemplo de organizar os espaços pelas Comissões Intergestores Regionais (CIR), mostrando a importância do desenho regional. Tornar a Tenda Paulo Freire uma das protagonistas, já que em outros congressos em geral, ela fica no fundo do evento, e neste, teve destaque logo na entrada.

“O Cosems-PB hoje está maduro, cresceu e evoluiu muito. Tomou medidas importantes como descentralizar suas ações para as regionais. Além de tudo, percebemos que há um diálogo permanente do Cosems-PB com os 223 secretários municipais de saúde. Também ressalto que a participação de Soraya Galdino, e toda sua equipe, que foi fundamental para o total sucesso do congresso. Com este evento, a Paraíba pelo seu Cosems, ganhou um lugar de destaque nacional na discursão e no debate do SUS”, elogiou André Galdino.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − seis =