notícias relevantes da ações de saúde nos municípios paraibanos.

OUTUBRO ROSA: Prefeitura de Araruna realiza ações para conscientização da população para a importância do diagnóstico precoce na cura do Câncer de Mama

Durante todo o mês de outubro, mulheres e homens ararunenses participaram de diversas atividades nas UBS’s, CAPS e NASF, como palestras; dinâmicas de grupo e relaxamento; exames; rodas de conversa sobre a temática e atividades de orientação às mulheres, de modo especial, sobre como realizar o autoexame e prevenir o câncer de mama.

Drª América Loudal, secretária de Saúde, celebrou a aceitação da comunidade. “Encerramos uma campanha que intensifica as ações, porém os atendimentos os trabalhos continuam diariamente em todas as unidades do município. A campanha foi um sucesso e agora vamos dar ênfase ao Novembro Azul, mês dedicado para chamar a atenção dos homens em relação ao cuidado com sua saúde”, disse.

Para a secretária executiva de Saúde, Maria Mônica a campanha Outubro Rosa em Araruna aconteceu com expressiva participação da população nas ações. “Todos os nossos serviços de saúde sem exceção, buscaram seu público alvo para orientar, alertar e sensibilizar contra o CA de mama. Muito feliz e orgulhosa de todos que fazem a saúde em nosso município”, comemorou.

Fiscalização da Vigilância Sanitária no São João de Araruna apreende produtos com validade vencida

O primeiro dia de São João na Serra de Araruna foi de trabalho para a equipe da Vigilância Sanitária do Município (VISA). A fiscalização realizada em ambulantes, lanchonetes, bares e restaurantes no local dos festejos – resultou em apreensões. A maioria dos produtos estava sem registro ou com a validade vencida.

A VISA repassou novas orientações sobre as condições higiênico-sanitárias como o armazenamento de produtos que necessitem ficar na refrigeração, utilização de produtos com registro, fardamento completo e a não utilização de gelo-escama para fornecimento de bebidas.

A equipe da Vigilância Sanitária realizou fiscalizações no local com o objetivo de garantir a segurança alimentar do público que foi curtir a festa.

Com cara de mini-hospital, prefeitura entrega nova UBS à população de Bonito de Santa Fé

O prefeito de Bonito de Santa Fé, Chico Pereira (PSB), inaugurou nesta terça-feira (12), a Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Casas Populares, com a presença de autoridades, equipe de governo e comunidade. A inauguração faz parte da programação administrativa da festa do Padroeiro Santo Antônio.

Construído na gestão de Alderi Caju e ganhado vida e equipamentos na gestão de Pereira, o novo centro de saúde custou mais de R$ 415 mil até ficar pronto para ser entregue a população. Já os equipamentos adquiridos agora pela Prefeitura custaram cerca de R$ 80 mil.

Durante o ato de inauguração o prefeito disse que a partir de agora a nova unidade de saúde garantirá o atendimento que a comunidade das Casas Populares e bairros adjacentes precisa. “Essa UBS vai atender uma comunidade muito grande, que engloba o Barrozão, a Cehap, o Mutirão, o Alto Belo Horizonte e os sítios adjacentes. E isso é um benefício muito grande, porque aquela Unidade parece mais com um mini-hospital”, disse Chico Pereira em entrevista ao Radar Sertanejo.

O secretário de saúde, Anderson Barbosa, destacou a estrutura da UBS, como sala de observação, oxigenoterapia, sala de curativos, sala de imunização, assistência médica, assistência de enfermagem, sala de acolhimento, sala de inalação coletiva, assistência odontológica com cadeira e estrutura nova, Raio-X Odontológico, ambiente destinado a atividades educativas, espaço reservados para os profissionais de saúde discutires as atividades, mobiliários e equipamentos todos novos.

Caps de Araruna realiza ação em alusão à Luta Antimanicomial

Como parte das ações alusivas a “Semana Nacional da Luta Antimanicomial, os usuários do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) da Secretaria Municipal de Saúde de Araruna, tiveram uma noite diferente nessa quinta-feira (25).

Em clima de alegria e descontração, os usuários do CAPS se divertiram muito nos brinquedos instalados no centro da cidade no Parque de Diversão. Além disso, toda equipe também saboreou a pizza no restaurante Paulista Árabe.

Ana Paula Solano, coordenadora da Saúde Mental do Município, afirma que o evento tem a finalidade de fortalecer a socialização e reinserção dos usuários no meio social. “É um momento de descontração, mas que tem um sentido, mostrar que eles podem e devem interagir com a comunidade”, pontua.

O dia 18 de maio, Dia Nacional da Luta Antimanicomial, marca no Brasil o movimento por uma sociedade sem manicômios, além de questionamentos relacionados ao estigma social em torno dos transtornos.

A secretária municipal de saúde, Drª América Loudal, destaca que o objetivo da Secretaria Municipal de Saúde é mobilizar a sociedade e os próprios usuários sobre a luta contra os manicômios, uma vez que o tratamento ideal para as pessoas com sofrimento mental não é o aprisionamento, mas o tratamento em espaços abertos, de preferência no seio familiar.

Para a secretária executiva de saúde, Maria Mônica, a ação do CAPS é um momento de dizer à sociedade que os usuários merecem respeito. “Eles são capazes e, como todo cidadão, têm direito, vivendo em sociedade, com direito à liberdade e tentando desmistificar o preconceito”, afirmou.

Conasems divulga vídeo com experiência exitosa do município de Juripiranga-PB

Alimentação saudável e qualidade de vida são os principais pontos do Projeto “Saúde na Escola: articulações e expansão da Rede” elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde de Juripiranga-PB em parceria com a Universidade Federal da Paraíba.

Dentre as ações realizadas, estão a reformulação da merenda escolar, o cultivo de uma horta dentro da escola com legumes e verduras cuidados diariamente pelos próprios alunos, além da realização de exames de sangue e oferta de bebida fortificada com ferro para as crianças diagnosticadas com anemia.

Os professores também foram foco do projeto – recebem dentro do ambiente de trabalho atividades elaboradas por educadores físicos e acompanhamento psicológico.

“É o SUS acontecendo nos municípios!”