Ata da 2ª Assembleia Ordinária do Cosems teve encaminhamentos em torno de 12 pontos de pauta

Na 2ª assembleia geral ordinária do Cosems-PB, realizada no dia 9 de abril de 2018 em João Pessoa, vários gestores municipais de Saúde e outros participantes, foram abordados 12 pontos de pauta. Na ata da assembleia constam temas como orientações sobre a mudança da Lei do Fundo Municipal de Saúde; Monitoramento e Avaliação dos atendimentos do glaucoma no Estado da Paraíba, regulação, cirurgias, atendimentos e encaminhamentos para o Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, entre outros.

Na ocasião, a presidente do Cosems-PB, secretária municipal de Saúde de Itabaiana, Soraya Galdino abriu oficialmente a assembleia e deixou o espaço aberto para os membros em seguida deu andamento a aprovação da Ata da 1ª Assembleia do COSEMS-PB e a aprovação do parecer do Conselho Fiscal Cosems-PB. Depois ela colocou em votação a vacância da diretoria do Cosems-PB e assentos da CIB-PB e diante dos nomes sugeridos que foram aprovados pela assembleia.

Durante a pauta relativa às cirurgias eletivas, foi informado que a pactuação de 2017 não foi cumprida por Cabedelo, João Pessoa, Santa Rita e Campina Grande e o Estado orientou que cada município deverá procurar seu executor e substituir o usuário ou trocar o município executor. A demanda foi encaminhada para o Ministério Público Federal e os municípios executores que foram procurados por seus encaminhados e não solucionou a demanda haverá reunião com o Ministério Público Federal (MPF) para fazer a prestação de contas.

Por fim, a presidente do Cosems-PB destacou a necessidade de parceria dos representantes dos municípios e que e cada gestor deve ser responsável pelo que acontece no seu território.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *